12 de nov. de 2020

SAÚDE: ENDOCRINILOGIA.

Endocrinologia, saúde e paranormalidade

Atualmente, as técnicas Kirlian de fotografia e filmagem estão engatinhando neste setor, onde os antigos já dominavam, faz muitos milhares de anos, conforme demonstram os velhos mapas anatômicos dos tibetanos, hindus e chineses. A ciência médica moderna, apesar de ter se desenvolvido nas diversas áreas uma tecnologia sofisticada, no campo da endocrinologia, ou seja, no conhecimento das glândulas, suas funções, seu metabolismo, suas patologias etc., serão sempre de difícil entendimento e controle, enquanto o aspecto ultrabiológico e ultrafisiológico não for devidamente estudado.

A maior dificuldade em se investigar a ultrafisiologia reside no fato de termos perdido a “Visão Espacial” que nos dá acesso a outras dimensões, a outros planos de existência e manifestação, que nos permite extrapolar os limites do mundo visível, criando-se a possibilidade de se detectar as doenças, disfunções orgânicas e psíquicas na sua origem, encontrando-se as verdadeiras causas dessas.

Aqui estudaremos, de forma sintética e objetiva, a correlação entre as glândulas endócrinas e os centros magnéticos dos veículos internos.

Na verdade, as glândulas endócrinas não são somente os produtores de hormônios que regulam o funcionamento do organismo físico, eles também são os expoentes físicos dos nossos sentidos extrassensoriais, diretamente ligados aos centros magnéticos (no Oriente denominados chacras) dos nossos corpos ultrassensíveis e que estão situados exatamente sobre esses órgãos.

Como se sabe, as glândulas endócrinas secretam substâncias particulares que provocam no organismo funções biológicas de alta importância. Essas substâncias são chamadas hormônios, que são os mensageiros químicos do corpo, os quais controlam todo o metabolismo das nossas células.

Uma glândula é um órgão cuja função é fabricar e excretar algumas substâncias com uma função predeterminada. Essa substância pode ser excretada dentro do sistema circulatório ou fora dele. No primeiro caso a glândula tem função endócrina e no segundo, função exócrina. Uma glândula pode conter os dois tipos de função ao mesmo tempo.

Em qualquer parte do corpo, as glândulas regulam a atividade celular. Fica claro, pois, que os processos de manutenção, revitalização, rejuvenescimento e envelhecimento estão diretamente ligados às atividades dessas glândulas e, por conseguinte, aos centros magnéticos dos corpos ultrassensíveis.

Assim, se quisermos manter o nosso corpo físico com equilíbrio, juventude e vitalidade, devemos saber cuidar da saúde das nossas glândulas.

Por outro lado, veremos neste trabalho revolucionário, aos olhos da ciência, que a saúde de todas as glândulas depende da saúde de nossas glândulas sexuais (ou gônadas).

Aqui também nos será ensinado como manter as nossas gônadas em perfeito estado de funcionamento, mantendo, assim, a saúde de todas as outras glândulas endócrinas e, por conseguinte, perpetuando a juventude e desenvolvendo todos os sentidos extrassensoriais.

Abaixo, estudaremos detidamente cada glândula ou órgão e suas características, tanto fisiológicas quanto paranormais. E sua importância para a nossa saúde física e psíquica (clique nas imagens).

PINEAL

CEREBELO

PITUITÁRIA

TIREOIDE

TIMO

PÂNCREAS

SUPRARRENAIS

FÍGADO

OVÁRIOS/TESTÍCULOS

PRÓSTATA

BAÇO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe de sua opinião!

Pesquise por assunto

Postagens mais visitadas do mês.

As postagens mais visitadas do site.