English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Radios


Músicas, sem comercial.

Rádio Nova1 - Friburgo/RJ - Instrumental

Rádio Cultura Missioneira – Cruz Alta/RS – Gaúchas



25.1.23

Alimentos.

Confira uma lista de alimentos que devem se manter fora do freezer ou congelador!

Nem sempre é fácil conciliar uma vida de trabalhador com o cuidado de casa e das tarefas domésticas. E por conta da correria, muitas pessoas acabam usando a geladeira como um recurso para tudo.

Contudo, existem alguns alimentos que não podem ir ao congelador. Na intenção de preservar, você pode estar estragando um produto muito interessante do seu consumo e da sua família. Confira alguns exemplos interessantes na lista!

Congelar
Saiba quais são os alimentos que você não deve congelar (foto: divulgação)


Posso usar o congelador para tudo?

Primeiramente, é importante lembrar que existem algumas dicas na cozinha fundamentais para melhorar a sua vida financeira. 

Para evitar desperdício, muitas pessoas acabam congelando todos os alimentos que estão “parados” de alguma forma. Contudo, isso não é sempre eficiente.

Muitas pessoas acabam estragando alimentos ao congelá-los. Ao contrário do que muitos pensam, os produtos alimentícios são complexos e muitos exigem ficar em temperatura regular, não fria ou gelada.

Diferença entre freezer e congelador.

Antes de falar sobre os alimentos que não podem ser guardados em temperaturas muito baixas, é importante lembrar que existem diferenças entre os tipos de aparelhos que conservam. 

Mas então: qual é a diferença entre freezer e congelador? De acordo com os especialistas existem duas características diferentes importantes. A primeira delas é sobre a temperatura:

  • Freezer: pode atingir o limite de temperatura de -20º; 
  • Congelador: limite de até -6º em média.

Outra diferença fundamental é que o freezer só fica disponível em refrigeradores com duas portas. Ou seja, ele é “separado” do restante dos ambientes do equipamento. 

Contudo, o congelador fica acoplado no refrigerador. Em outras palavras, o refrigerador com uma porta é aquele que possui o congelador – não freezer. 

9 alimentos que não podem ir ao congelador.

Por fim, vamos ao que interessa. Ao contrário do que muitos pensam, existem algumas comidas que não podem ir para o ambiente de temperatura negativa. 

Confira, a seguir, a lista de alimentos que não podem ir ao congelador:

  1. Frutas e vegetais com muita água: melancia, alguns tipos de batatas e pepino, por exemplo. Não é interessante guardar no congelador já que o alimento pode perder sua textura original; 
  2. Massa cozinhada: congelando a água que está nessa massa, o resultado no descongelamento é uma massa “mole”; 
  3. Comida em lata: evite congelar esse tipo de produto já que (dentro da lata) ele já está conservado em temperatura ambiente; 
  4. Molhos com amido de milho ou farinha: é difícil recuperar a consistência original depois de congelar esse tipo de molho, por isso evite; 
  5. Café (em grãos ou pó): a saber, esse tipo de temperatura baixa pode secar o café. Por isso guarde esse produto em local escuro, fresco e numa caixa fechada; 
  6. Carne que já foi descongelada: isso é básico! Nunca congele novamente uma carne que já saiu do freezer ou congelador;
  7. Refeições que já foram descongeladas: os microrganismos que ficam nos alimentos que foram cozinhados depois de descongelados, não podem ser congelados novamente; 
  8. Iogurtes (e outros laticínios): como dizem os chefes de cozinhas, esse tipo de alimento acaba “deslaçando”, portanto, guarde na geladeira; 
  9. Ovos com casca: finalmente, nunca adicione um item desse tipo no congelador já que ele pode quebrar – e microrganismos entram neste caso. 

Alimentos que não devem ir ao micro-ondas.

De modo geral, o micro-ondas é um dos melhores amigos daqueles que vivem em uma rotina corrida, e possuem pouco tempo para dedicar às tarefas domésticas diárias, bem como cozinhar. Assim sendo, a grande maioria das pessoas utiliza o utensílio para economizar tempo, a fim de obter facilidade e praticidade.

Por esse motivo, é indiscutível que o microondas é um enorme facilitador de vidas. Mas acontece, portanto, que existem alguns alimentos que devem ser mantidos longe do equipamento. Isso porque, na grande maioria das vezes, acontece uma mudança drástica na textura, assim como no sabor. Além disso, é possível que determinados alimentos causem explosões e acidentes domésticos. São eles:

  • Água (o processo de ebulição acontece de forma muito rápida, o que pode provocar acidentes);
  • Ovos;
  • Uvas;
  • Pimenta;
  • Cenoura;
  • Batatas com casca;
  • Tomates com casca;
  • Linguiça;
  • Salsicha;
  • Molho de tomate;
  • Pães;
  • Carne (pode ir ao microondas apenas para descongelar e esquentar, mas nunca para cozinhar).

Alimentos que fazem mal à saúde, mas poucos sabem.

Peito de peru.

A princípio, o peito de peru pode parecer uma ótima opção para aqueles que desejam emagrecer. Isso porque, o alimento está presente em diversos sanduíches naturais, bem como receitas “fintness”. Acontece, portanto, que diversos especialistas alertam sobre o quão nocivo o alimento é. De acordo com as informações, o peito de peru possui muito sódio, glicose, nitrito e nitrato, além do açúcar.

Bacon.

Diversas pessoas já estão cientes sobre as gorduras presentes no bacon, no entanto, os malefícios podem ir além. Isso porque, existe uma grande diferença entre os bacons produzidos de forma artesanal, e os que são encontrados em todo lugar. De acordo com os especialistas, esta segunda opção apresenta substâncias que podem atacar diretamente a saúde de um cidadão.

Água tônica.

Engana pelo sabor amargo da água tônica, acreditando que ela pode ser saudável. Porém, esse tipo de água possui a mesma quantidade de calorias que um refrigerante. Logo, faz tão mal quanto.

Gelatina.

Ao contrário do que grande parte das pessoas pensam, a gelatina não é um fator contribuinte pelo emagrecimento. Na verdade, muito pelo contrário. A gelatina possui um alto teor de açúcar, bem como a quantidade de colágeno que pode ultrapassar o necessário para o corpo humano.

Enlatados.

Consumir alimentos enlatados pode não ser uma opção muito viável, principalmente, ao considerar os peixes. Isso porque, os alimentos são enlatados em recipientes de ferro, que acabam soltando resíduos para o alimento. Assim, quando ingeridos, tudo é encaminhado para o corpo do indivíduo.

Alimentos mais nutritivos.

Antes de mais nada, você sabe o que define um alimento como nutritivo? Bem, primeiramente, um alimento nutritivo é aquele rico em vitaminas e demais propriedades capazes de contribuir, de forma positiva, para a saúde de um cidadão. Ingerir alimentos saudáveis podegarantir diversos benefícios, como por exemplo, aumentar sua qualidade de vida, garantir maior longevidade, melhorar sua saúde física e mental e prevenir doenças.

Além disso, essa nutrição pode trazer ainda mais energia para a vida de um indivíduo, bem como aumentar sua beleza física. Isso porque, os nutrientes são capazes de melhorar diversas coisas do corpo humano, como a pele e o cabelo. Assim sendo, existem determinados alimentos que possuem alto poder nutritivo, e que devem ser incluídos em todas as etapas de alimentação, se possível. São eles:

  • Linhaça;
  • Frutas vermelhas;
  • Vegetais verde escuro;
  • Azeite (puro, de oliva);
  • Feijão;
  • Oleaginosas;
  • Vegetais crucíferos;
  • Suco de uva (tinto);
  • Chia;
  • Gergelim;
  • Quinoa;
  • Batata doce;
  • Maçã;
  • Arroz (integral);
  • Limão;
  • Alho;
  • Ovos;
  • Peixes;
  • Couve;
  • Gengibre.

Conheça os benefícios do açafrão.

Antecipadamente, o açafrão da terra é uma raiz completamente natural. Trata-se, portanto, de uma especiaria da culinária. Encontrar o açafrão pode ser um tanto quanto fácil. Isso porque, a grande maioria dos mercados vende sua versão processada. No entanto, também é possível encontrá-lo em casas de produtos naturais.

Além do açafrão auxiliar no preparo de diferentes receitas, ele também apresenta diversos benefícios para a saúde. Como por exemplo, a raiz é capaz de realizar efeito antioxidante, que pode facilitar o tratamento quimioterápico de um câncer. Ele também ajuda nos probelmas de coração, considerando a capacidade de suas raízes de reduzirem o colesterol no sangue.

Contudo, a raiz é capaz de aumentar a sensibilidade do organismo de um indivíduo à insulina, o que pode reduzir o risco do desenvolvimento da diabetes do tipo 2. O rejuvenescimento também é um ponto chave do açafrão, que atua diminuindo as chances de perda cognitiva. Por fim, o alimento pode ser utilizado de diferentes formas, até mesmo em sobremesas.

https://pronatec.pro.br/9-alimentos-que-nao-podem-ir-ao-congelador/


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe de sua opinião!

Pesquise por assunto

Postagens mais visitadas do mês.

As postagens mais visitadas do site.