3 de abr. de 2020

COVID-19 E A AVIAÇÃO


Perda de US$ 2 trilhões na indústria da aviação é estimada devido à pandemia global.

Posted by Thoth3126 on 02/04/2020


OUÇA



O impacto da pandemia global do coronavírus no setor de aviação global mais amplo será mais de 10 vezes o das perdas de companhias aéreas de cerca de S$ 200 bilhões, afirma o fundador e presidente do Institute for Aviation Research. Os aeroportos da Ásia-Pacífico sofrerão uma perda de US$ 23,9 bilhões este ano, com cerca de 1,5 bilhão a menos de passageiros viajando pelos hubs da região, diz o Airports Council International, uma perda inimaginável há apenas algumas semanas atrás.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch
Estima-se uma perda de US$ 2 trilhões para indústrias da aviação em todo o mundo devido à pandemia de coronavírus
As perdas para a indústria aeronáutica global, excluindo as companhias aéreas, da pandemia de coronavírus podem ultrapassar US$ 2 trilhões este ano, com milhões de empregos em risco apenas na Ásia-Pacífico, de acordo com Zheng Lei, fundador e presidente do Institute for Aviation Research, um think tank independente.
“As companhias aéreas são a chave de toda a cadeia de suprimentos de transporte aéreo de passageiros. Se elas se tornarem problemáticas, outras partes da cadeia de suprimentos serão afetadas”, disse Zheng Lei, que também é chefe do departamento de aviação da Universidade de Tecnologia de Swinburne, na Austrália.

Em todo o mundo, as companhias aéreas são forçadas a lidar com os efeitos devastadores do surto global em curso do Covid-19, que efetivamente paralisou o setor de viagens. À medida que mais países fecham suas fronteiras e restringem as viagens para minimizar a disseminação do novo coronavírus, muitas operadoras estão reduzindo suas operações de rede ou aterrando temporária e completamente suas aeronaves.
“Quanto ao impacto no setor de aviação global, ele já ultrapassou os US$ 200 bilhões de perdas. Isso é apenas para companhias aéreas, não incluindo o impacto nos aeroportos, varejistas dentro dos aeroportos e trabalhadores em terra. Seu maior impacto deve ser mais de dez vezes maior que em outros setores da economia, como o turismo, e choques no comércio de exportação e importação. ”
De acordo com estimativas recentes da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), as perdas de receita de passageiros das companhias aéreas na Ásia-Pacífico neste ano deverão atingir cerca de US$ 88 bilhões e US$ 252 bilhões em todo o mundo.
O ecossistema da aviação é vasto e suporta muitas indústrias. Inclui provedores de refeições a bordo, empresas de serviços em terra, fornecedores de transporte, armazenamento e manutenção, consumo de combustível, empregando milhões em lojas duty-free, varejo e catering, equipe de terra, motoristas de ônibus e pessoal de segurança em aeroportos em todo o mundo.
O setor de aviação e as indústrias a ele associadas foram duramente atingidos pela pandemia de Covid-19, que foi identificada pela primeira vez na China. A segunda maior economia do mundo e seus viajantes de saída têm sido um dos principais impulsionadores da indústria global de turismo. Eles gastaram US$ 130 bilhões em 2018, 13% a mais que no ano anterior, segundo a Academia de Turismo da China. Mas como a doença se espalhou rapidamente para cerca de 200 países em todo o mundo, os governos impuseram restrições abrangentes de viagens, forçando as companhias aéreas a aterrar a maior parte de sua frota.
A indústria da aviação suporta cerca de 30,2 milhões de empregos e contribuiu com US$ 684 bilhões para o produto interno bruto dos países da região Ásia-Pacífico em 2016, de acordo com os números mais recentes da Aviation: Benefits Beyond Borders, organização com sede na Suíça que representa todos setores da indústria de transporte aéreo.
“Um aeroporto em uma área tem um efeito muito óbvio na condução da economia local”, disse Diao Weimin, professor do Instituto de Gerenciamento de Aviação Civil da China, administrado pelo governo, acrescentando países como Malásia, Cingapura e Filipinas, que dependem das receitas do turismo, estão sentindo a maior dor na Ásia.
Ele disse que as companhias aéreas chinesas e outras indústrias relevantes empregam mais de 1 milhão de pessoas, enquanto Shen Xiaofeng, analista de transportes da Huatai Securities, é mais conservador, dizendo que o número pode ser de pouco mais de 800.000.
A Associação de Varejo de Viagens da Ásia-Pacífico (APTRA) pediu na quarta-feira aos governos em mais de 45 países da região para que apoiem 320.000 funcionários locais e da linha de frente, incluindo o setor de varejo isento de impostos e viagens nos mesmos pacotes de apoio financeiro das companhias aéreas, aeroportos , marítimos e indústrias.
“A dinâmica do varejo isento de impostos e de viagens está intrinsecamente ligada às indústrias de aviação e sua viabilidade depende inteiramente do retorno do tráfego de passageiros”, disse Grant Fleming, presidente da APTRA.
A ACI disse que, como resultado do surto de Covid-19, os fluxos de receita dos aeroportos de companhias aéreas e passageiros testemunharam um declínio acentuado, acrescentando que o tráfego médio de passageiros diminuiu mais de 80% na segunda semana de março em comparação com um ano antes. Enquanto isso, Zheng Lei disse que os governos deveriam tomar mais medidas para fornecer ajuda aos setores afetados.
“Quando o governo tiver dinheiro limitado, seria necessário tomar decisões difíceis para resgatar alguns e deixar outros para o mercado decidir, mas a aviação seria a prioridade nesse cenário”, disse ele.

Estamos vendo o uso do surto global do coronavírus COVID-19 [fabricado em laboratório]  sendo usado em todo o mundo para colapsar mercados e criar instabilidade financeira maciça. George Soros entrou em colapso de todo o sistema financeiro britânico sozinho, com certeza ficou quieto ultimamente, eu me pergunto o que ele tem feito nisso tudo. 
Aqui na América, acredito que a mídia MSM Pre$$titute e os democratas que eles amam tanto estão trabalhando incansavelmente o tempo todo para armar o COVID-19 para impedir a releição de Trump em novembro. Há anos que estamos avisando que esse dia chegará, já chegou? Fique ligado pois os próximos dias serão eletrizantes.

Você quer mesmo saber como esse coronavírus “surgiu na China” e se espalhou pelo mundo em pouco tempo? Ao pesquisar os arquivos de registros de patentes nos EUA on-line, foi descoberto o registro de uma patente de Coronavírus concedida para o C.D.C. –  Centers for Disease Control and Prevention [se trata do principal instituto nacional de saúde pública dos EUA. O C.D.C. é uma agência federal dos EUA sob o United States Department of Health & Human Services (HHS)]que tem sua sede em Atlanta, Geórgia. Assim emerge um fato indiscutível, o de que o “DONO” DESSE VÍRUS MORTAL E SEU CRIADOR é o PRÓPRIO C.D.C. (Centro de Controle e Prevenção de Doenças)
O coronavírus do surto atual não teve origem na China, mas FOI IMPLANTADO neste país asiático com a clara intenção de causar o maior dano possível aos chineses. A consequência natural, quando  [se já não descobriu] a China perceber que a eclosão do surto pode ter sido um ataque de BIOWEAPON ao seu território e contra seu povo, qual será o tipo de resposta a ser dada pela China aos [ir]responsáveis pela contaminação. Começamos a ano de 2020 com muitos que operam nas sombras desejando aumentar o caos no planeta.

PATENTE de criação de um CORONAVÍRUS fornecida ao CDC (Centers for Disease Control and Prevention)  US7220852B1 –SOBRE A CRIAÇÃO DE CORONAVÍRUS [SARS] ….
Na patente acima, do registro de um CORONAVÍRUS [uma BIOWEAPON], você encontrará 72 páginas de conteúdo para poder julgar esse letal “surto repentino e desconhecido de coronavírus” na China . Leia a patente nesse link primeiro, faça o download e compartilhe este artigo amplamente antes que osAGENTES do DEEP STATE a excluam. Mantenha-se sábio, com discernimento e saudável!


“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá FOMES, PESTES e TERREMOTOS, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores.
Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarãoE surgirão muitos FALSOS PROFETAS, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo”.Mateus 24:6-13
Obrigado por compartilhe com seus amigos, imprima, copie o link, envie por e-mail.

Pesquise por assunto

Postagens mais visitadas do mês.

As postagens mais visitadas do site.